segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Ele em estado líquido.


(Foto: Fernando Rozano).


Ele em estado líquido.


Na canção um verso voa,

lamparina ao ar saudades,

e o verbo que conjugo

minha dor espanta,

faz viver presença,

rio que o coração

em mar transformou.

Sim, é amor.


Eliane Alcântara.

5 comentários:

cel_pack disse...

Parabéns minha linda amiga cada vez mais voce nos eleva com seus lindos textos, meu carinho.

JMJC disse...

Linda tua escrita poetinha, é com enorme prazer q leio tua maravilhosa poesia, tb nao posso deixar de dizer q a foto é mt bonita! bjssssssssssss

Lady Cronopio disse...

Sem dúvida, Mana, você está cada vez mais elaborada nos seus escritos. A marca persiste. Personalidade poética que se reconhece de longe.
Parabens!
Orgulho de você.
Amor sempre.

Anaconda de Dheuss disse...

lindo o final adorei.

Aécio Flávio disse...

vOCÊ É O amôr PERSONIFICADO Ê!
Lindaaaaaa!Gataaaaaaaaaaaa!
EROS FEMININO!