sexta-feira, 2 de julho de 2010

Japonesa


Queria ser toda enigmática,
muito mais controlada e quieta,
verdadeiro ideograma de mim.

Tentar me educar foi em vão.

Sou gritante,
buliçosa, bandeirante,
bandeirosa.

Nasci com a dor do carmim,
onde era pra ser cor-de-rosa.

3 comentários: