terça-feira, 24 de novembro de 2015

FLASHBACK LITERÁRIO (2013)


2 comentários:

Angela Fonseca disse...

Como adoro lápis - sou escrevinhadora das antigas, escrevo meus textos primeiro a lápis no bom e velho papel para depois colocar na máquina, digitar, salvar e jogar para o universo - solidarizo-me com esta "ferramenta" tão versátil, que permite à alma viajar no papel. Viva o lápis! E viva o Geraldo Trombin que o homenageia poeticamente. Abraço.

geraldo trombin disse...

Muito legal, Angela... Obrigado pelas palavras e pelo carinho... Bom dia!