quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Leia Agora, Serviço de Utilidade Pública!!



Hoje vou ser breve. Em poucas linhas vou transmitir a você, leitor e leitora, o que quero lhes dizer. Sei que seu tempo é curto, assim é o meu também. Então vamos ao que interessa.
Primeiro, o que te faz parar o que você está fazendo para ler algo? O título? Uma foto que vem logo abaixo ou acima dele (do título)? Ou você pára o que está fazendo para ler, pois o que você faz te cansa, e assim, essa leitura poderá te distrair por uns instantes? Se encaixa num destes perfis? Bem, vamos adiante. Não posso demorar.
Quem sabe você lê porque, ora bolas, você lê muito. Uau, sim, eu estou ligado que existem pessoas como você. Que devoram tudo o que veem pela frente. Que andam pela rua, lendo sob um sol infernal, no meio da multidão. Pessoas que, na falta do que ler, leem toda a bula do remédio, ou o manual inteiro do motorista do carro (números e siglas inclusas). Que bom – você certamente vai ler isto, por isso já lhe agradeço aqui, antes do fim mesmo. Mas falta só mais um pouquinho, vamos ao próximo parágrafo...
Bem, se não leu pelo título chamativo, ou pela foto chamativa acima ou abaixo do texto, se não leu para se distrair duma tarefa chata (ou de alguém chato!!), e se você não é o leitor devora-tudo do parágrafo acima, bem deixa-me ver... Não sobram muitas opções, acho eu...
Rá!!! Já sei!
Você é aquela pessoa que não lê nada. Eu sei, eu sei. Você é muito legal e tudo, mas você não lê, certo? Nada contra, você apenas não lê. Sim, eu sei que lá no fundo você é gente fina e tudo mais... e ora bolas, pra que ler, hum? Afinal de contas... você já sabe de tudo mesmo! Mas é lógico que sabe! Não, não estou sendo sarcástico, até porque, você já viu tudo no noticiário de ontem, inclusive isso que estou escrevendo agora. Eu sei que sim!! E sabe o que mais? Vai acabar no próximo e último capítulo, aqui ó...
Eu sei quem você é, sabia? Quando eu falo com um de vocês, é pra já que reconheço. Vocês andam como se uma aura de sabedoria cintilante estivesse sobre as suas cabeças. É fácil notar. Bem, você deve saber, afinal você sabe de tudo. Inclusive que ler não é para você. Isso, deixa pros outros, vai. Seja bonzinho. Há muitas coisas boas reservadas para a sua “qualidade” de pessoa. A política, por exemplo. Para ela existir, é fundamental que gente como você continue sem ler; viu só? Então, sem mais delongas.

Paro por aqui, conforme prometido; hasta la vista, baby!!!

2 comentários:

Felipe Bortolon disse...

Boa, não leio por falta de tempo e sem-vergonhice... deveria ler!!!!!!!!!

André Bortolon disse...

Você é um ótimo leitor, mano! Um grande abraço, e obrigado!