quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Pesquisa Científica: as diferentes espécies do "Homo orkutiano"

Analphabetus de pai-Mãesis.
Esta espécie não consegue escrever uma única frase sem cometer pelo menos 10 atentados à língua portuguesa. Durante algum tempo foi combatido pelos demais membros da comunidade, mas anda meio raro topar com algum pelas pradarias.No geral é ignorado pela maioria pois ensiná-lo a escrever é missão quase impossível, além do que, com a nova regra gramatical, há uma baita confusão que faz com muita gente se sinta um A.P.M...
Dibotucus raivosus.
Esta espécie costuma marcar e perseguir implacavelmente outros membros da comunidade. Não comenta mais nada em tópico nenhum ficando apenas de tocaia aguardando a manifestação de sua vítima.Quando encontra algum comentário do seu perseguido imediatamente escreve outro contrário ou ironizando...
Leitorus ocultus.
Esta espécie acessa todos os dias e lê todos os tópicos recentes mas nunca comenta nada. Devido à sua grande discrição não é muito conhecido e não se sabe se não escreve por timidez ou simplesmente por preguiça...
Argumentadorus sensatus.
Esta espécie é conhecida por sua inteligência e pelos comentários sempre equilibrados e bem articulados. Sabe falar e ouvir a opinião dos outros.É uma espécie raríssima e acredita-se que esteja em extinção...
Irônicus engraçadinhus.
Esta espécie gosta de fazer sempre comentários curtos e irônicos com senso de humor refinado. Provoca a simpatia de uns e a ira de outros. Obviamente não está nem aí nem para uns nem para outros, e ainda têm o bônus de ser engraçado. ..
Corneterus assumidus “mal-humoradus”.
Esta espécie é encontrada em abundância tanto nas comunidades como no meio radialista e televisivo. Sua principal satisfação é reclamar de tudo e de todos.Se é verde reclama porque não é branco e se é branco reclama porque não é verde. Os C.a´s reais possuem bom domínio da técnica e são dados ao culto do soneto, desprezando os versos livres, o dedalismo e as prosas bukowskianas

Baba-Ovus inveteratis.
Esta espécie era pouco encontrada mas atualmente tem crescido em número e atividade. Ao contrário do Corneterus assumidus acha que tudo sempre está muito bem. É um tipo alegre e pacato mas se encontra um comentário que contraria sua ilusão reage com fúria incontrolável. É facilmente identificado por deixar um rastro açucarado por onde passa....
Loucus por comunidadis.
Esta espécie vive criando comunidades novas e convidando outros membros sem sucesso. É facilmente confundido com os membros da espécie Analphabetus de Pai-Mãesis...
Ligadaçus nasnovas.
Esta espécie passa o dia ligado na web e acompanha fofocas tanto na tv como no rádio além de frequentar todos os sites de notícias conhecidos da Internet. Seu objetivo é ser o primeiro a postar uma notícia nova.

Homos enciclopédius
Esta espécie caracteriza-se pelo domínio tanto das leis da escrita quanto do bom senso. É visto em geral dando bons pitacos para os iniciantes, apontando as falhas textuais, promovendo debates interessantes e citando de cabeça (possui uma alergia grave e congênita ao wikipedismo) grandes obras e autores. É uma subdivisão do Argumentadorus Sensatus, do qual é primo-irmão.

Moderadorus execradus
É uma espécie hour-concour e mutante: transmutado de sua espécie original em um Moderadorus, atua com afinco em sua nova missão, sobrevivendo geralmente até a primeira grande confusão devido à questões salomônicas envolvidas (ao se meter entre os antagonistas acaba por ser criticado por ambos os lados. Se toma alguma atitude, é ditador; se não faz nada, é um banana). No geral tem vida curta, transmutando de volta em sua espécie original e mandando tudo à p.q.p. (poultha-quewou-parrwill).

Escrevedoris evolutivus
Esta espécie caracteriza-se por um início via de regra meio tosco, postando textos de qualidade duvidosa. Como sabe ouvir as críticas e reagir bem à elas, geralmente começa evoluir a partir do 13º. tomate (um número cabalístico no reino da tomatada) deixando para trás o cognome de E.E. podendo vir a se tornar um Argumentadorus Sensatus, um Homos enciclopédius ou até um Irônicus engraçadinhus. É o raio de esperança da humanidade, a luz do fim do túnel que não é a locomotiva, o perpetuar da raça humana, a... Ah, vocês entenderam.
.
.
Esta pesquisa científica ainda se encontra em andamento. Se você identificar uma espécie nova sua contribuição para a ciência será muito bem vinda. O texto original também não é meu, encontrei-o na web, achei-o parecido com o andar da carruagem e fiz algumas pequenas mudanças...

11 comentários:

Inominável Ser disse...

Me enquadro no Leitorus ocultus... Oculto-me porque, muitas vezes, as discussões no Orkut são tão desprovidas de sensatez que nem dá vontade de participar.

Gigio disse...

hehehe, qual tipo eu sou?

Blog Bar do Escritor disse...

caraca! tenho até medo de me aprofundar pra ver qual é o meu, rsss
muito bom lobo!

Rosa Cardoso disse...

Argumentadorus sensatus:esse é você.

Ivan disse...

Qual seria eu?
Sou honestamente contra assuntos que nos fazem ter dúvidas perante nós mesmos. re re re. Brincadeira.

Iriene Borges disse...

eu tenho uma pitada de cada um..acho! Mas podem me contrariar.

( vidad e moderador nãoé fácil né Cristiano)

Iriene Borges disse...

eu tenho uma pitada de cada um..acho! Mas podem me contrariar.

( vidad e moderador nãoé fácil né Cristiano)

Glauber Vieira disse...

Boa! Acho que me enquadro em uns três tipos...

Carlos Cruz disse...

a rosa te classificou bem, ovelha. acho que me enquadro melhor no engraçadinhus.

texto maneiro, brother.

Jessiely Soares disse...

ahahahhahahaaha Acho que estou ainda no Escrevedoris evolutivus.


hahahaah

liz disse...

ah, Cristiano... tá um barato, isso. Tem q ficar no seu perfil do orkut! tá um show.

Vou indicar a leitura;